Mobilidade Urbana

CE: Ônibus de Fortaleza poderão atender chamados de aplicativos

Foto: Vitória Aguiar/Reprodução

Uma medida promete mudar a forma de se pegar ônibus em Fortaleza (CE). Os veículos do transporte coletivo da capital cearense podem, no futuro, atender a usuários de aplicativo. A ideia é que os coletivos possam sair da rota padrão de determinada linha para se deslocar até o ponto indicado pela origem da chamada, assim como acontece nos aplicativos Uber, Cabify e 99Pop.

Contudo, não há uma data para o início desse formato de operação. A Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP) pretende realizar um estudo que prevê visitas a 23 mil domicílios da capital a partir do próximo dia 5 de fevereiro.

Em entrevista ao jornal Diário do Nordeste, o engenheiro de transportes da pasta e coordenador do estudo, Victor Macêdo, explica que, precisa “conhecer muito a demanda do sistema” antes de determinar a implantação ou não do novo serviço. “Temos que identificar qual seria a frequência desse veículo e a confiabilidade do uso do aplicativo. Estamos buscando o que deu certo e o que não deu para, a partir dos resultados da pesquisa, podermos avançar num projeto mais embasado tecnicamente”, afirma.

A ideia se baseia num serviço disponível em São José dos Campos (SP). Nele, pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida podem agendar, por meio de aplicativos, uma viagem de ônibus. O coletivo pode sair do itinerário habitual para buscar o passageiro em casa e deixá-lo na porta de hospitais, por exemplo.

O sistema de transporte público urbano em Fortaleza possui mais de 7,5 mil pontos de parada, além de 7 terminais de integração. A rede conta com 2 mil ônibus e 200 vans. Cerca de 1 milhão de passageiros são transportados diariamente pelas ruas da capital cearense.

Redação

O BSB Mobi é um portal de notícias especializado em mobilidade urbana. O site traz as principais informações sobre o tema em todo o Brasil, com foco principal no Distrito Federal e Entorno.

Comentar

Clique aqui para comentar

Deixe uma resposta