Mobilidade Urbana Ônibus

DF: DER-DF pretende inverter sentido das faixas da via EPTG

Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília

Os ônibus vão circular, durante os horários de pico, na faixa localizada no contrafluxo


O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), anunciou que irá inverter o sentido das faixas exclusivas para ônibus localizadas na EPTG. De acordo com o chefe do Executivo local, os ônibus vão fazer, durante o horário de pico, a viagem rumo ao Plano Piloto na pista sentido Taguatinga, como uma espécie de “mão inglesa”. Na parte da tarde, a operação acontece no sentido oposto.

As obras já são realizadas nas duas pontas da EPTG, tanto no SIA quanto próximo à entrada de Taguatinga. Os trabalhos inciaram há duas semanas.

Em entrevista ao portal Metrópoles, Ibaneis afirma que a proposta deve resolver o problema dos pontos de ônibus instalados no canteiro central da via. Com exceção dos ônibus do BRT, que trafegam apenas pela EPIA Sul, o sistema de transporte urbano do DF possui veículos com portas à esquerda – posicionadas do lado em que está o motorista do ônibus.

Os únicos ônibus do DF dotados de portas à esquerda circulam apenas na EPIA Sul. Foto: Fernando Sousa/Bsb Mobi

Ao BSB Mobi, o Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal afirmou que a implantação do esquema de inversão é experimental. O departamento informa que irá se posicionar oficialmente e detalhar a operação do sistema assim que tiver mais detalhes sobre o mesmo.

Faixas exclusivas passariam por revisão

Assim que foi indicado para assumir o DER, em dezembro, Fauzi Nacfur Júnior anunciou que pretendia rever, durante os primeiros meses de gesstão, o funcionamento das faixas exclusivas. À época, o gestor cogitou a possibilidade de liberar o trânsito nas pistas “subutilizadas” para os demais veículos. Todavia, para essa alteração, seria necessário o aval do governador Ibaneis Rocha.

Redação

O BSB Mobi é um portal de notícias especializado em mobilidade urbana. O site traz as principais informações sobre o tema em todo o Brasil, com foco principal no Distrito Federal e Entorno.

Comentar

Clique aqui para comentar

Deixe uma resposta