Trânsito

DF: DER libera primeiro trecho finalizado da obra Torto-Colorado

Foto: Tony Winston/Agência Brasília

Atualmente, cerca de 100 mil veículos passam pela DF-003 diariamente


O Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER/DF) liberou hoje (26), o acesso à DF-150 através de dois novos viadutos, que fazem parte da obra Torto-Colorado (LTC) e integra a obra do Trevo de Triagem Norte (TTN). Este trecho é o primeiro a ser finalizado e entregue para a passagem de veículos naquela região.

O DER/DF estima que, a partir de agora, a cada 30 dias faça a entrega de uma parte da obra até que toda ela esteja finalizada. As liberações parciais de trechos da obra conforme forem sendo concluídos vai dar fluidez ao trânsito gradativamente. A conclusão completa está prevista para a segunda quinzena de julho deste ano. Atualmente cerca de 100 mil veículos passam pela DF-003 diariamente.

A obra no Trevo de Triagem Norte e Torto-Colorado

O Trevo de Triagem Norte é composto por 16 obras, entre pontes, viadutos e túneis. O objetivo é distribuir o fluxo de veículos com destino ao Plano Piloto, ao Eixão Norte e Sul, à W3, aos Eixinhos Leste e Oeste e à L2.

Somadas às passagens da Ligação Torto-Colorado — construção de pista marginal à DF-003 e de novos acessos aos condomínios, são ao todo 28 intervenções.

As benfeitorias somam R$ 207 milhões — R$ 146 milhões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), R$ 51 milhões de contrapartida do governo de Brasília e R$ 10 milhões da Agência de Desenvolvimento do DF (Terracap).

As obras do Torto-Colorado, especificamente, são fundamentais para livrar a saída norte do DF dos infindáveis engarrafamentos que diariamente ocorrem nos horários de pico (de 6h as 9h e de 17h30 às 19h45), que tanto prejudicam os usuários da DF-003 e das cidades de Planaltina, Sobradinho I e II e diversos condomínios do Grande Colorado, da DF-150. A população média nessas cidades é em torno de 370 mil pessoas.

* Com informações do DER

Agência Brasília

Notícias oficiais do Governo do Distrito Federal

Comentar

Clique aqui para comentar