Notícias Ônibus

DF: Mercedes-Benz anuncia vendas de 590 ônibus para Brasília em 2019

Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

Empresas Piracicabana, Pioneira, Urbi Mobilidade e Marechal Brasília adquiriram unidades da montadora. Parte dessa frota já está em circulação


A montadora Mercedes-Benz divulgou, nesta terça-feira (26/11/19), que fechou o ano de 2019 vendendo 590 ônibus para Brasília. Segundo a fabricante, “São 319 unidades para a Viação Pioneira, 133 para a Urbi Mobilidade Urbana, 70 para a Auto Viação Marechal e 63 para a Piracicabana”.

A previsão é que todas as unidades estejam nas ruas até janeiro do ano que vem, explica a Mercedes. “A boa performance de nossos produtos, assim como os serviços oferecidos pela marca, foram fatores determinantes na hora da negociação”, afirma Walter Barbosa, diretor de Vendas e Marketing Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil.

O executivo classificou como “uma grande conquista” ser a fornecedora das quatro empresas mencionadas. Apenas a Expresso São José optou por não comprar os ônibus da Mercedes-Benz.

Urbi Mobilidade

Conforme adiantou o BSB Mobi em outubro, a Urbi Mobilidade Urbana comprou 133 ônibus zero km. Destes, 46 são dotados de portas à esquerda, possibilitando o embarque e desembarque de passageiros nas paradas do canteiro central da EPTG.

Os ônibus são do modelo Apache Vip IV, fabricados pela Caio Induscar. O chassi, Mercedes, é do modelo OF-1721, com motorização Euro V – menos poluente. Os novos modelos se diferenciam dos antigos por terem suspensão a ar. Segundo a Urbi, a ideia é trazer mais estabilidade ao carro e conforto ao passageiro durante as viagens.

Até agora, 25 ônibus da empresa estão em circulação nas cidades de Núcleo Bandeirante e Samambaia. No próximo sábado (30/11/19), mais 20 exemplares devem entrar em circulação no Recanto das Emas.

Viação Pioneira

Outra empresa a comprar ônibus novos e apresentá-los é a Viação Pioneira. A companhia adquiriu 319 novos veículos. As primeiras unidades estão em circulação nas cidades de São Sebastião e Paranoá. Outros novos veículos que estão a chegar devem circular em Santa Maria e Gama. Assim como os exemplares da Urbi Mobilidade, os novos ônibus da Pioneira também são do modelo OF-1721, porém, com carroceria fabricada pela Marcopolo (Torino S).

“Temos um bom relacionamento com a empresa [Mercedes-Benz] e sempre encontramos o melhor desempenho nos produtos da marca em relação à concorrência, principalmente no quesito consumo de combustível. Os veículos quase nunca ficam parados por nenhum tipo de problema e contamos com um ótimo atendimento de peças de reposição sempre que precisamos”, diz Anisio Silva, gerente administrativo da Pioneira, sobre a escolha pelos produtos Mercedes.

Viação Piracicabana

A terceira companhia a adquirir veículos Mercedes é a Piracicabana. No início do ano, a Piracicabana apresentou 63 micro-ônibus novos em Planaltina. Além da cidade, os coletivos circulam em Sobradinho e Plano Piloto, nas linhas com uma distância menor. Esses ônibus se somam a outros 120 comprados pela empresa durante o ano de 2018.

A carroceria dos micro-ônibus é da Caio Induscar, com chassis LO-916. “A Mercedes-Benz apresenta uma mão de obra qualificada e os seus veículos urbanos são muito mais econômicos”, destacou Joaquim Constantino, presidente da Viação Piracicabana.

Marechal Brasília

A operadora da área 4 do DF ainda não apresentou a nova frota. Atualmente, a empresa tem em operação 464 ônibus, todos da Mercedes-Benz. Segundo a montadora, a companhia paranaense que atua em Brasília há seis anos comprou 70 veículos.

Márcio Gulin,  diretor presidente da Auto Viação Marechal, disse ter escolhido a Mercedes por conta da “praticidade, fácil manutenção, melhor custo operacional, baixo consumo de combustível e o bom atendimento de pós-vendas”.

Higor Viana

Jornalista formado desde 2017, atua como repórter e assessor de imprensa. Editor-chefe do site Bsb Mobi.

Comentar

Clique aqui para comentar

Deixe uma resposta